Logo

Valor da taxas de juros hoje

Selic

11.25%

Últimos 12 meses

IPCA

4.51%

Últimos 12 meses

CDI

11.15%

Últimos 12 meses

Taxas de juros no Brasil

A taxa de juros é a medida utilizada para quantificar o custo de empréstimos e investimentos. Ela é expressa como uma porcentagem anual e é calculada com base no montante emprestado ou investido. As taxas de juros são utilizadas como ferramenta para controlar a inflação e estabilizar a economia. Existem vários tipos de taxas de juros, incluindo: Taxa Selic: é a taxa básica de juros utilizada pelo Banco Central do Brasil para controlar a inflação e estabilizar a economia. Ela é utilizada como referência para outras taxas, como as de empréstimos e investimentos.

Taxa de juros de mercado: é a taxa de juros praticada pelos bancos e outras instituições financeiras para empréstimos e investimentos. Ela varia de acordo com o risco e a liquidez do empréstimo ou investimento.

Taxa de juros real: é a taxa de juros nominal descontada a inflação. Ela é usada para medir o custo real de empréstimos e investimentos.

As taxas de juros são utilizadas para calcular o custo de empréstimos e investimentos, e também para definir políticas monetárias e econômicas. Elas são influenciadas por diversos fatores, incluindo a inflação, o crescimento econômico, a política monetária e a situação política e econômica global.

O que é a taxa Selic?

A taxa Selic é a taxa básica de juros utilizada pelo Banco Central do Brasil para controlar a inflação e estabilizar a economia. Ela é utilizada como referência para outras taxas, como as de empréstimos e investimentos. A Selic é definida pelo Comitê de Política Monetária (COPOM) do Banco Central e é atualizada periodicamente. Quando a taxa Selic está alta, os juros também estão altos, o que pode desestimular o consumo e o investimento, mas ajuda a controlar a inflação. Quando a taxa Selic está baixa, os juros também estão baixos, o que pode estimular o consumo e o investimento, mas pode fazer a inflação subir.

Como é calculada a taxa Selic?

A taxa Selic é a taxa básica de juros utilizada pelo Banco Central do Brasil para controlar a inflação e estabilizar a economia. Ela é definida pelo Comitê de Política Monetária (COPOM) do Banco Central, e é atualizada periodicamente.

O cálculo da taxa Selic é feito pelo Banco Central do Brasil, e é baseado em uma decisão política, tendo como objetivo principal o controle da inflação, estabilidade cambial e estabilidade financeira.

Continuar lendo

O que é o CDI?

O Certificado de Depósito Interbancário (CDI) é uma taxa de juros utilizada como referência para outras taxas de juros, como as de empréstimos e investimentos. Ele é calculado com base nas operações de captação interbancárias realizadas pelos bancos e é utilizado como benchmark para outros investimentos, como as Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e as Letras de Crédito do Agronegócio (LCA). O CDI é considerado uma taxa livre de risco e é utilizado para ajustar rendimentos de investimentos de renda fixa. Ele é divulgado diariamente pela CETIP (Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia).

Como é calculado o CDI ?

O Certificado de Depósito Interbancário (CDI) é calculado com base nas operações de captação interbancárias realizadas pelos bancos. Ele é utilizado como benchmark para outros investimentos, como as Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e as Letras de Crédito do Agronegócio (LCA).

O cálculo do CDI é feito pela CETIP (Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia) que é uma empresa privada que atua como intermediária em operações financeiras entre bancos, e é uma das principais fontes de informações sobre taxas de juros no mercado financeiro brasileiro. A CETIP, coleta diariamente informações sobre as operações de captação interbancárias, e usa essas informações para calcular a taxa CDI.

Continuar lendo

O que é o IPCA?

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) é o principal índice de inflação utilizado no Brasil. Ele mede a variação de preços de bens e serviços consumidos por famílias com renda de um a quarenta salários mínimos, e é calculado mensalmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O IPCA é utilizado como principal indicador de inflação pelo Banco Central e pelo governo para definir políticas econômicas e monetárias, como a taxa Selic. Ele é usado também como referência para indexação de contratos e ajustes de preços, e para cálculo de rendimentos de investimentos de renda fixa, como a poupança.

Como é calculadao o IPCA ?

O cálculo do IPCA é feito pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e é baseado na coleta de preços de uma cesta de bens e serviços consumidos por famílias com renda de um a quarenta salários mínimos. A cesta é composta por itens como alimentação, vestuário, saúde, transporte, entre outros.

O cálculo do IPCA é feito usando a metodologia de índices de preços ao consumidor, que consiste em comparar os preços de um período com os preços de um período-base. O período-base é escolhido de forma a representar as condições de mercado médias de um período determinado. O IPCA é calculado com base na variação dos preços entre o período-base e o período atual....

Continuar lendo

2024 - mobird.com.br